Nathalie Rabelo é baterista profissional e professora de música desde 2012.
Leciona bateria e violão para adultos e crianças e desenvolve um método particular de ensino de bateria para crianças, com jogos e metodologia própria, a ser lançado em breve.


Iniciou sua carreira artística em 2004 tendo aulas de violão com a profa. Luana Chimite. Em 2010 ingressa na Escola Técnica “Ivanildo Rebouças da Silva” (Cubatão) para aprofundar seus conhecimentos no violão erudito e forma-se em Teoria Musical, Percepção Musical e Prática de Conjunto (2013). No mesmo período retoma as aulas de violão popular com a profa. Giovanna Spinelli, com quem conclui também o curso de Teoria e Percepção Musical (2016).


Em 2009, inicia seus estudos de bateria com o prof. Paulo Mello no Conservatório Musical Mozart em Santos, no qual permanece até 2010. Continua seu desenvolvimento na bateria em 2011, com o prof., músico e parceiro Gilson Koch, até 2013.

Em 2014, conhece a primeira baterista do Brasil, Lilian Carmona, e tem aulas intensivas de leitura rítmica e à primeira vista, em São Paulo. Atualmente cursa o último módulo – em preparação para sua formatura – do curso de bateria da Escola de Música & Tecnologia – EM&T – SP, com o professor Douglas Maiochi.

Também cursou canto popular com as profas. Giovanna Razuk e Janaína
Andrade, na Oficina Musical Alexandre Prado, no período de 2011 até 2016.


Sua experiência artística é ampla e diversificada, atuando em diversos projetos musicais, também como cajonista/percussionista. Seus recentes trabalhos incluem: música portuguesa, com marchas e fados, com a cantora Andreza Mariano, que desde 2016 participa do show em comemoração ao Dia de Portugal em Santos, além de shows em eventos fechados.
A partir de 2017, torna-se baterista do projeto do guitarrista Pedro Ramos, o
Pedro Ramos Trio, tocando em restaurantes da rede de vinhos Grand Cru, com repertório de jazz e bossa nova.

Ainda em 2017, juntamente com os músicos Thiago Moura (violão) e Giovanna Spinelli (ukulele), inicia um projeto instrumental chamado Trio Aruê voltado para a música brasileira, atuando como cajonista/percussionista, executando gêneros musicais como: ijexá, forró, baião, xaxado, samba, choro, bossa nova, fazendo releituras de grandes clássicos da nossa música popular. O trio participa do Rio-Santos Bossa Fest 2019, na Pinacoteca Benedicto Calixto, evento que prestigia o Dia Nacional
e Municipal da Bossa Nova.


Em 2018, atua como baterista da banda da cantora santista Carolina Andrade e participa criando, compondo e gravando a bateria do primeiro single da artista “Vem de Madrugada”, disponível nas plataformas digitais.

Foi convidada, recentemente, para integrar como baterista/cajonista e backing vocal o “Projeto Elas”, liderado por Letícia Alcovér (voz), Carol Meles (guitarra) e Ana Bertuci (baixo), que visa homenagear as mulheres no pop e rock nacional e internacional. O projeto consolidou-se como banda com o nome de Cherry Bomb’s e já realizou shows em vários bares e clubes da cidade, sendo o mais recente um show na Concha Acústica de Santos, em Setembro de 2019.